Prolongue o Efeito do Desodorante!

O desodorante faz parte dos itens básicos de higiene, então é assunto que interessa a todo mundo, principalmente para quem sofre com o suor excessivo e/ou com o mau cheiro nas axilas.

Hoje já existem no mercado vários produtos de ação prolongada, o que garante mais “conforto”, já que as axilas ficam cheirosinhas por muito mais tempo. Mas existem algumas dicas certeiras para prolongar o efeito do desodorante e não pagar mico por aí!

Tudo, claro, já começa na hora do banho, antes do uso do desodorante. Durante o banho o correto é usar um sabonete antibacteriano para eliminar ou ao menos reduzir os micro-organismos ali presentes, que são responsáveis pelo mau cheiro. Isso é importante porque esses micro-organismos reduzem a eficiência do produto.

Após o uso e enxágue do sabonete, é preciso secar bem a região, já que quando a pele está molhada ou mesmo úmida, é mais difícil que o produto penetre (ao contrário dos ativos de tratamento de muitos cosméticos).

Quanto às roupas, evite os tecidos sintéticos, pesados, grossos e que impeçam a “respiração”, pois isso favorece o mau cheiro. A preferência deve ser, sempre, pelos tecidos mais leves e pelos tecidos de algodão, que não abafam a região e deixam a pele respirar.

019 Prolongue o Efeito do Desodorante!

Quais são os tecidos sintéticos? Ah, existem inúmeros, mas podemos citar a elanca, por exemplo, que acaba retendo o suor. Outra coisa importante é não usar roupas de outras pessoas e não usar roupas que já estejam sujas, pois isso aumenta a chance das bactérias entrarem em ação.

Para as meninas, a regra é clara: nada de “fazer a Madonna” e deixar os pelos das axilas crescerem, viu? O correto é que a axila esteja depilada, para ajudar na evaporação do suor e na redução do mau odor, que pode ser causado, em grande parte, pela umidade retida nos pelos.

Produtos que contenham ácido tânico, que reduzem a produção das glândulas sudoríparas, são boas opções para ajudar a evitar o mau odor.

No caso dos desodorantes antitranspirantes, que são de efeito prolongado, quase nunca é necessária a reaplicação durante o dia, mas, caso seja necessário, não há problemas na reaplicação. Os antisperspirantes costumam controlar bastante não só o cheiro, mas também o suor, já que eles atuam na obstrução das glândulas sudoríparas, o que reduz a produção de suor.

O melhor é sempre usar DESODORANTES e não talcos, perfumes, loções ou similares, já que eles podem causar irritações, pelo excesso de álcool, e comprometer a transpiração, o que é um problema!

Para quem transpira muito, há a possibilidade do uso de hidróxido de magnésio, que é o famoso leite de magnésia, só que nesse caso, trata-se de uma solução manipulada, receitada por um médico, e não daquele produtinho do pote azul comprado na farmácia!

Durante à noite, quando as glândulas sudoríparas têm seu trabalho reduzido, não é necessário o uso de desodorantes, caso esteja indo dormir, claro, porque se for à balada tem que usar!

Por fim, vale lembrar que o fato do produto ter ou não cheiro não interfere na eficácia e nem nos resultados!

Beijos

Ju Lopes

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (1 vote cast)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +2 (from 2 votes)

JULIANA LOPES – Baiana que detesta o calor, advogada, leonina até o último fio de cabelo, hiperativa, escreve sobre quase tudo e é viciada em cosméticos, maquiagem, livros, viagens e boas risadas. Já fez vários cursos, desde Astrologia a Feng Shui, seu hobby é escrever e ela dá pitacooo em tudo aqui no blog. Escreve nas colunas Saúde, Dieta, Beleza, Cabelos, Moda, Tamanho GG, Papo de Mulher, Livros e Tutorial de Maquiagem. E-mail: Julianalopes@patricinhaesperta.com.br

1 comentário

  1. Patricia
    Publicado em 01/03/2013 às 23:14 [+]

    Oi Ju tenho uma dúvida,devemos usar desodorante para ir a praia?
    Tenho medo de usar e manchar ou não usar e ficar fedida,bjs

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +1 (from 1 vote)

Conte-nos o que achou da matéria usando o Facebook

nossa rede